A Tragédia e Comédia Latino-Americana
A Tragédia e Comédia Latino-Americana

©Patrícia Cividanes

press to zoom
A Tragédia e Comédia Latino-Americana
A Tragédia e Comédia Latino-Americana

©Patrícia Cividanes

press to zoom
A Tragédia e Comédia Latino-Americana
A Tragédia e Comédia Latino-Americana

©Patrícia Cividanes

press to zoom
A Tragédia e Comédia Latino-Americana
A Tragédia e Comédia Latino-Americana

©Patrícia Cividanes

press to zoom
A Tragédia e Comédia Latino-Americana
A Tragédia e Comédia Latino-Americana

©Patrícia Cividanes

press to zoom
A Tragédia e Comédia Latino-Americana
A Tragédia e Comédia Latino-Americana

©Patrícia Cividanes

press to zoom
A Tragédia e Comédia Latino-Americana
A Tragédia e Comédia Latino-Americana

©Patrícia Cividanes

press to zoom

Teatro | CRIAÇÃO | 2016

FELIPE HIRSCH

ULTRALÍRICOS


A Tragédia e Comédia Latino-Americana

Uma infantaria de atores diante de uma imensa barricada de isopor. Eles constroem e desconstroem o mundo à própria vontade, modelando o cenário, os textos latino-americanos, e as muitas ideias que formam esse complexo quebra-cabeças sobre a trágica e cômica condição do homem na América Latina. Com palavras, cantadas ou não, em português, inglês, espanhol e francês, sempre traduzidas, a peça levanta temas como a violência, o binarismo político e ideológico, o sistema elitista, a não valorização da própria cultura, a falta de consciência histórica, entre outros temas caros ao continente. As duas partes da peça nos contam, a partir da voz de autores latino-americanos, uma narrativa que a educação desses países, seja formal ou informal, ensinou a ignorar.  Todo um continente de ideais construído para em seguida desabar e ser rearranjado, para logo depois virar ruína e tudo então ser mais uma vez reconstruído para desabar de novo e de novo e de novo. Uma alegoria de representação do estado das coisas nesse lado da terra

FELIPE HIRSCH

 

É diretor de teatro e cinema, um dos fundadores da Sutil Companhia (1993-2012). Trabalhou com grandes atores Como Fernanda Montenegro, Paulo Autran, Paulo José, Renato Borghi, entre outros. Seu primeiro filme, Insolação, estreou no Festival de Veneza. Desde 2013, dirige o coletivo Ultralíricos, criado na Frankfurter Buchmesse com a tetralogia Puzzle, que foi seguida pelos trabalhos A Tragédia e Comédia Latino-Americana, Selvageria e FIM, apresentados no Brasil, Alemanha, Portugal e Chile. Em 2017, Severina, seu segundo longa-metragem, estreou no Festival de Locarno.

A TRAGÉDIA E COMÉDIA LATINO-AMERICANA

 

Direção Geral - Felipe Hirsch

 

Elenco - Caco Ciocler, Caio Blat, Camila Márdila, Danilo Grangheia, Georgette Fadel, Guilherme Weber, Inés Efron, Javier Drolas, Julia Lemmertz, Magali Biff, Manuela Martelli, Maria Gal, Nataly Rocha, Pedro Wagner, Rodrigo Bolzan

 

Música escrita, arranjada e dirigida por Arthur de Faria | Interpretada pela Ultralíricos Arkestra: Arthur de Faria - Piano e Sintetizadores, Adolfo Almeida Jr. - Fagote e Efeitos, Mariá Portugal - Bateria, Glockenspiel e Tímpanos, Gustavo Breier - Processamentos Eletrônicos, Georgette Fadel - Trompete, Pedro Sodré - Guitarras e Overdrives

 

Autores A Tragédia e a Comédia Latino-Americana (Autores selecionados, sujeito a modificações): Augusto de Campos (Brasil), Dôra Limeira (Brasil), Gerardo Arana (México), Glauco Mattoso (Brasil), Guillermo Cabrera Infante (Cuba),  J.P.Zooey (Argentina), J. R. Wilcock (Argentina), Leo Maslíah (Uruguai), Lima Barreto (Brasil), Marcelo Quintanilha (Brasil),  Martin Caparrós (Argentina), Nelson de Oliveira (Brasil), Pablo Katchadjian (Argentina) Pablo Palacio (Equador), Reinaldo Moraes (Brasil), Roberto Bolano (Chile), Salvador Benesdra (Argentina), Samuel Rawet (Brasil) 

Direção de Arte - Daniela Thomas e Felipe Tassara | Iluminação - Beto Bruel | 
Figurinos - Veronica Julian | Preparação Vocal - Simone Rasslan | Coreógrafa e Preparação Corporal - Renata Melo | Crítico Interno e Dramaturg - Ruy Filho | Assistente de Iluminação e Operadora de Luz - Sarah Salgado | Engenheiro de Som, Tratamentos, Gravações e Mixagem - Gustavo Breier | Produção Musical - Arthur de Faria e Gustavo Breier | Diretor de Palco - Nietzsche

 

Idealização e Direção Geral - Felipe Hirsch | 
Produção Internacional - Ricardo Frayha | Produção Executiva - Bruno Girello | Direção de Produção - Luís Henrique (Luque) Daltrozo | Realização: Sesc São Paulo

A Comédia Latino-Americana

Mirada - Festival Ibero-Americano de Artes Cênicas de Santos

Teatro Coliseu

Santos, SP, Brasil

12 e 13/09/2016

A Tragédia Latino-Americana

Iberoamerikanisches Festival ¡Adelante!

Theater Heidelberg

Heidelberg, Alemanha

11 e 12/02/2017

A Tragédia Latino-Americana

Lisboa Capital Ibero-Americana de Cultura 2017

São Luiz Teatro Municipal

Lisboa, Portugal

01 e 02/03/2017

A Comédia Latino-Americana

Lisboa Capital Ibero-Americana de Cultura 2017

São Luiz Teatro Municipal

Lisboa, Portugal

04 e 05/03/2017

A Tragédia e Comédia Latino-Americana

Festival Internacional Santiago a Mil 

Matucana 100

Santiago, Chile

15, 16 e 17/01/2018

Screen Shot 2020-06-21 at 16.16.17.png