Tchekhov4
Tchekhov4

©Cacá Bernardes

press to zoom
Tchekhov4
Tchekhov4

©Cacá Bernardes

press to zoom
Tchekhov4
Tchekhov4

©Cacá Bernardes

press to zoom
Tchekhov4
Tchekhov4

©Cacá Bernardes

press to zoom
eflyerTCHEKHOV.jpg

Exposição & Teatro | CRIAÇÃO | 2010

ADOLF SHAPIRO

e OUTROS

Espaço Tchekhov

Tchekhov⁴ - uma Experiência Cênica

Espaço Tchekhov 2010 foi uma ocupação do Complexo Cultural da Funarte em São Paulo com espetáculos, exposição, workshops e debates dedicados ao 150º aniversário de nascimento de Anton Tchekhov (1860-1904), celebrado em todo o mundo neste ano. Um lugar situado no cruzamento entre o teatro, suas coxias e camarins, cenários e gabinetes de pesquisa e trabalho. Uma mixagem da história e dos enredos possíveis deste importante dramaturgo e escritor russo em cuja obra iniciou o teatro moderno. A Fundação Nacional de Artes (Funarte) realizou este evento multidisciplinar no período de 17 de setembro a 10 de novembro em parceria com o Festival Internacional de Teatro Anton Tchekhov, de Moscou, como mais um passo na aproximação cultural entre o Brasil e a Rússia. Apresentações de processos de trabalho e montagens “binacionais”, de mestres do teatro russo como o consagrado diretor Adolf Shapiro e a jovem cenógrafa Maria Volskaia com artistas brasileiros, como a Mundana Companhia e a atriz e diretora Lígia Cortez, são os principais destaques do Espaço Tchekhov 2010. Também os artistas visuais brasileiros se relacionam à vida e obra de Tchekhov, como o Coletivo Lat 23 e José Roberto Aguilar. Às quintas-feiras houveram mesas redondas, debates e apresentações em vídeo de montagens marcantes de Tchekhov no teatro mundial. A ideia deste projeto foi entrelaçar vida, obra e o momento histórico em que Tchekhov viveu, com a atualidade e a história brasileira, através de exposição e farta documentação sobre as encenações brasileiras. O Espaço Tchekhov 2010 na sua concepção inicial tomou emprestada a ideia de Virginia Woolf sobre a obra de Anton Tchekhov: Estas histórias sobre quase nada, onde nosso horizonte se amplia e podemos assim ganhar um espantoso sentido de liberdade.

TCHEKHOV⁴ - UMA EXPERIÊNCIA CÊNICA
Direção: Adolf Shapiro

com Mundana Companhia


Pela primeira vez um diretor russo dirige um espetáculo com atores brasileiros. Com esse projeto, a Mundana Companhia segue, após o sucesso da sua encenação de O Idiota, de Dostoievski, a explorar o mundo da literatura russa. Adolf Shapiro, ganhador do Prêmio Internacional Stanislavski, é reconhecido mundialmente como um dos mais importantes encenadores das peças de Tchekhov. Durante uma residência artística em São Paulo, ele trabalhou com os atores brasileiros nas quatro mais famosas peças de Tchekhov, montando em espaços diferentes um percurso por quatro atos, composta por um ato de cada uma destas peças. O público assiste ao primeiro ato de A Gaivota, ao segundo ato de Tio Vânia, ao terceiro ato de O Jardim das Cerejeiras e ao quarto ato de As Três Irmãs.

 

Direção: Adolf Shapiro | Cenário: Hideki Matsuka | Figurino: Simone Mina | Com: Mundana Companhia (Aury Porto, Luah Guimarãez, Fredy Állan, Lúcia Romano, Sylvia Prado, Sérgio Siviero, Silvio Restiffe e Vanderlei Bernardino) | Participação especial: Tieza Tissi e Priscilla Herrerias | Tradução: Diego Moschokovich.  

ESPAÇO TCHEKHOV 2010


Produção: prod.art.br | Direção de produção: Matthias Pees e Ricardo Muniz Fernandes | Produção executiva: Ricardo Frayha | Agenciamento espacial: Hideki Matsuka | Direção Técnica: Julio Cesarini


Realização: Fundação Nacional de Artes (Funarte) | Parceria: Festival Internacional de Teatro Anton Tchekhov
Complexo Cultural da Funarte
São Paulo, SP, Brasil
17/09 a 10/11/2010